Colunistas


Visitas Ilustres em São Feliciano - Parte III

Vamos relembrar que em 1931, o Cônsul Dowarowicz, foi recepcionado e homenageado pela comunidade e alunos da Escola Adam Czatorycki.
03/11/2020 Luciana Terezinha Novinski
Luciana Terezinha Novinski
Luciana Terezinha Novinski

Continuando nossa coluna relatando as visitas importantes que tivemos na comunidade, vamos relembrar que em 1931, o Cônsul Dowarowicz, foi recepcionado e homenageado pela comunidade e alunos da Escola Adam Czatorycki. E no dia 06 de dezembro de 1934, recebemos a visita do Bispo Dom Teodor Kubina acompanhado do Ministro Dr. Grabowski, Pe. Wróbel de Guarani das Missões, Capitão Camilo Dias (Representante do interventor geral Flores da Cunha) e uma caravana do município de Camaquã. Integrantes da Sociedade Postemp enviou carros e camionetes até a Ponte do Sutil para recepcionar esta comitiva. Ao chegarem em frente a Igreja, muitas pessoas os aguardavam, e foram saudadas pelo Pe. Constantino Zajkowski, e o  Reverendíssimo Bispo fez um  belíssimo pronunciamento encantando a todos com suas sábias palavras. A noite reuniram-se na Sociedade Progresso com autoridades municipais, prof. Francisco Valdomiro Lorenz e Sub-prefeito de Encruzilhada do Sul Sr. Florisbal. O prof. Carlos Muszynki  encantou os presentes apresentando sua orquestra de alunos poloneses das escolas da comunidade, e em seguida foram entoados o Hino Polonês e o Hino Brasileiro, e os pequenos Francisco Pankowski e Olga Stelmaszczyk com apenas 1 ano de idade ofertaram flores aos visitantes. Prosseguindo falou o Sr. João Choinski (Presidente da Soc. Postemp) e Prof. Lorenz em nome dos Prefeitos de Encruzilhada e Camaquã, depois falaram os demais presentes, sendo por último o Bispo que encerrou com uma bonita mensagem de paz e amor. Sábado a noite, na Sociedade Postemp foi apresentada a peça teatral “Cudowny Lekarz” ( Milagroso Doutor), que foi dirigida pelos professores Lorenz e Muszynski, sendo acrescida de cantos poloneses e portugueses. Visitaram Escolas em nosso interior, sempre sendo bem recepcionados em cada escola, com apresentações encantadoras dos alunos. E na segunda-feira, dia 11 foram feitas as despedidas aos ilustres visitantes, sendo que foram acompanhados até o limite do município na época, a Ponte do Sutil, onde a aluna Cecília Janovik, com 15 anos na ocasião disse as seguintes palavras de despedida: “Na alma fortalecidos nos despedimos e por vossa bondade agradecemos e exaltamos: Viva a Polônia”. E após vivas a Polônia e ao Brasil, o Bispo realizou uma benção final e todos seguiram viagem de retorno. Esta informação foi publicada no Jornal Lud nº 1 de 5 de janeiro de 1935, pág. 4. E aqui encerramos mais uma coluna sobre nossas visitas ilustres, até a próxima!

MAIS DO COLUNISTA

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS