Dupla Grenal


Lula diz que, se for eleito, vai tirar do governo os militares que ocupam cargos comissionados

Em evento com sindicalistas, o petista também afirmou que o Congresso Nacional é o “pior da história”
05/04/2022 O Sul

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que, caso vença as próximas eleições, vai tirar do governo os militares que ocupam cargos comissionados. A declaração foi dada durante um evento da CUT (Central Única dos Trabalhadores) em São Paulo, na segunda-feira (04).


“Nós vamos ter que começar o governo sabendo que temos que tirar quase 8 mil militares que estão em cargos de pessoas que não prestaram concurso. Vamos ter que tirar. E isso não pode ser motivo de bravata”, afirmou.


Em seus últimos discursos, Lula tem criticado a presença de militares na administração federal. “Eles têm que ficar acima das disputas políticas. Exército não serve para política, ele deve servir para proteger a fronteira e o país de ameaças externas”, declarou o petista no fim de março.


Na segunda-feira, o ex-presidente também voltou a atacar o Congresso Nacional, referindo-se a ele como o “pior da história”. “Nós vamos ter que conversar com a sociedade sobre a importância de votar no Legislativo. Se o doutor Ulysses Guimarães estivesse vivo, ele ia dizer que nós temos hoje o pior Congresso Nacional da história do Brasil”, afirmou.

Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

brechonacional gas telefone 2eletrica tyskadj arAline Rosiak

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS