Colunistas


“PISANKI” – A ARTE DA PINTURA EM OVOS  - UMA TRADIÇÃO POLONESA VIVA EM NOSSAS ESCOLAS!

Nesta coluna estaremos falando de uma tradição polonesa que a muitos anos é coordenada pela Casa da Cultura do Imigrante 
11/01/2022 Luciana Terezinha Novinski
Luciana Terezinha Novinski
Luciana Terezinha Novinski

Anterior Próximo

Nesta coluna estaremos falando de uma tradição polonesa que a muitos anos é coordenada pela Casa da Cultura do Imigrante mas que envolve as escolas do município, escola Estadual e Projeto Beneficente São Francisco de Assis, o “CONCURSO DE PISANKI”,  a palavra  “Pisanki” vem do verbo “pisac”, que traduzido do Polonês significa escrever (escrever com símbolos). A decoração serve sempre para traduzir o que uma pessoa deseja a outra. Ex: boa colheita – trigo. Na Polônia são chamados de “Pisanki”, mas o nome original vem da Ucrânia “Pêssanka” e é uma arte milenar, com a chegada do cristianismo passou a simbolizar a Páscoa e a Ressurreição de Cristo. E por sermos descendentes de Poloneses um dos antigos Diretores da Casa da Cultura Sr. Roberto Scislewski resolveu implanta-la aqui no município em 1994, pelas escolas são pintadas cascas de ovos de galinha, mas na Polônia e pelos seus descendentes para comercialização  são produzidos em madeira. O Departamento de Cultura ligado a Secretaria da Educação é responsável pela realização do mesmo aqui no município, o Diretor de Cultura realiza uma reunião com os professores de artes de todas escolas e distribui material contendo informações sobre a Tradição do “Pisanki” de como deve ser produzido e as cartonas  de cores diferentes para cada escola para quando retornarem a cultura serem diferenciadas por isso, onde no início quando foi pela primeira vez implementado no município os ovos pintados eram expostos na Casa da Cultura e uma equipe de 5 pessoas faria a escolha de um ovo por turma, sendo que o escolhido era comtemplado e depois em um dia marcado era feita a entrega da premiação aos vencedores e para animar ainda mais o evento duas pessoas ficavam fantasiadas de coelhos e alegravam a mesma. Quero fazer um agradecimento as meninas que se fantasiam de coelhos, que como quase sempre não eram as mesmas não poderei citar nomes, mas sempre disseram que era uma alegria ver a inocência das crianças ao abraça-las. No ano de 2008 quando Sr. Roberto era Diretor o projeto obteve uma classificação junto ao prêmio  CODIC/FAMURS na categoria  Cultura Popular, Étnica e Folclore onde  receberam troféu e certificado. Porém com o passar dos anos e ao assumir a Direção da Casa da Cultura Luciana T. Novinski  resolveu mudar um pouco a premiação, estabelecendo um ganhador por turma mas também a entrega de doces a todas as demais crianças das escolas e a Diretora Luciana com o casal de coelhos (Fofinha e Cinzentinho) visitava todas as escolas, e agradece o carinho com que foi recebida quando esteve nas mesmas. Pois desde quando assumiu Luciana não achava justo apenas uma criança ir feliz pra casa por ganhar o prêmio, então eram apenas doces mas com o abraço dos coelhos que eles adoravam tinham uma Páscoa mais feliz. Então nos anos que Luciana esteve a frente do Concurso e que tem as fotos vou postar, é 2012, 2017 e 2018, pois os anos anteriores infelizmente perdi as fotos, e aproveito para agradecer as funcionárias da cultura da época Elizabete Rosiak Paulo e Lenise Slawski Soares(nossa jornalista) que me substituíram quando não pude ir nas escolas. E por o “PISANKI” ter se tornado algo especial que envolvia todas as crianças do município que estudavam em 2012 tentamos novamente participar da maior premiação do Estado na questão cultural e para nossa alegria e surpresa além de ganharmos novamente na categoria  Cultura Popular, Étnica e Folclore, fomes também contemplados na Primeira colocação de todos projetos classificados na AÇÃO CULTURAL do CODIC/FAMURS , onde ainda recebemos R$5.000,00 reais de prêmio com projeto “PISANKI – UMA TRADIÇÃO DE GERAÇÕES ”. A entrega da premiação do mesmo foi dia 05 de julho de 2012 no Auditório do Hotel Continental em Canela durante 32° Congresso de Municípios do Rio Grande do Sul, e além do Troféu e do Certificado o município ganhou um cheque no valor de R$5.000,00 mil  reais que utilizamos para confeccionar a placa de Identificação da Casa da Cultura em Madeira com desenhos poloneses, porque muitas pessoas antes da mesma achavam que era um Hotel ou Restaurante, por isso achei necessária a confecção da placa. Mas então Luciana quando ainda era Diretora da Casa em 2017 viu reportagens que na Polônia durante a Páscoa eles utilizavam uma tradição originalmente alemão, as “OSTERBAUM” árvores de Páscoa com galhos secos e cheias de “PISANKIS”, o que fez a mesma sugerir as Diretoras das Escolas na época se poderíamos mudar um pouco a tradição, pois além dos “pisankis”, fazer as Osterbaum e  da turma mais bonita seria contemplada e exposta na entrada da escola, e na Casa da Cultura também fizemos a nossa “OSTERBAUM” para incentivarmos as escolas, aí na turma ganhadora ganharia uma cesta de prêmios para dividir entre os alunos que fizeram a árvore, e como não teríamos como trazer as árvores até a cultura, tiramos fotos das vencedoras e expomos na Casa e nas escolas separaram espaços especiais e  decoraram para as “OSTERBAUM” serem avaliadas e escolhidas, os alunos adoraram a ideia de se empenharem para em conjunto fazer a “OSTERBAUM” mais bonita. E eu Luciana pude acompanhar o concurso em 2017 E 2018, os quais aparecerão as fotos. E em 2018 quando eu Luciana estava a frente do Departamento de Cultura do município coordenei a última edição do “CONCURSO DE PISANKI EM OSTERBAUM”, pois como logo veio a Pandemia e impossibilitou a realização do mesmo. Mas espero que após a Pandemia esta tradição não se perca e o Departamento de Cultura continue a preservar a mesma. Até nossa próxima coluna!



MAIS DO COLUNISTA

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS